Jason Momoa publicou um texto nesta segunda-feira (14) no qual apoia o colega Ray Fisher, com quem trabalhou em "Liga da Justiça" (2017), em relação às denúncias feitas pelo ator sobre o ambiente abusivo nas gravações do filme.


"Essa merda tem de parar e precisa ser investigada", escreveu Momoa em seu perfil no Instagram. "Ray Fisher e todos os que viveram o que aconteceu sob o olhar da Warner Pictures precisam de uma investigação legítima."




Instagram




Fonte: G1