O cantor Xand Avião demitiu Iverson de Souza Araújo, mais conhecido como DJ Ivis, da sua empresa de agenciamento de artistas, isso após a ex-mulher do músico, Pamella Gomes de Holanda, compartilhar nas redes sociais um vídeo em que é agredida por Ivis com tapas, socos e chutes. O caso ganhou repercussão e está entre os assuntos mais comentados do Twitter nesta segunda-feira, 12. 


No Instagram, Xand fez um pronunciamento dizendo que ficou surpreso e prestando solidariedade à Pamella. “Estava vindo para Fortaleza e quando chego em casa sou pego com essa tempestade do caso do DJ Ivis. 


É uma coisa muito séria, eu não admito e nem compactuo com nenhum tipo de violência e ainda mais com uma mulher. Nada explica, não tem explicação. Quero dizer que já designei minha equipe inteira para ajudar a Pamella no que ela precisar, não só ela como a criança”, afirmou.


Xand continuou dizendo que já providenciou o desligamento do artista da sua empresa. “Estou muito triste, todo mundo sabe da minha ligação com o DJ, mas nada justifica violência. O DJ faz parte da Vibe e, infelizmente, não tem como ele continuar com ele na nossa empresa. 


Estou sem palavras, surpreso como vocês, mas estamos aqui para o que a Pamella precisar.” Ivis confessou as agressões, mas disse que foi chantageado e recebeu ameaças. Após ser agredida, Pamella registrou um boletim de ocorrência e Ministério Público solicitou uma medida protetiva, que foi concedida pelo Tribunal de Justiça do Ceará.  


Instagram